Posts com Tag ‘vestir’

OPA!calca

Calça Jeans talvez seja a PEÇA mais utilizada no MUNDO, porque existe em TODOS os guarda-roupas por aí! Assim, é importante saber O COMPRIMENTO ideal da barra, para não parecer um PULA-BREJO (muito curta) ou uma ENCERADEIRA de chão (muito comprida)!

É SIMPLES, para acertar na altura da barra, a regra principal: “Ela deve ficar abaixo do ossinho do calcanhar“, recomenda a estilista Katia So, da Carmim. Na hora de medir, fique em pé com as pernas retas.

Preservar a bainha original é a melhor opção. Muitas vezes, a própria loja faz o serviço. Se não for o caso, procure uma costureira. Certifique-se de que a linha da nova barra seja do mesmo tipo e cor da original.

É possível, também, DOBRAR a sua barra. Essa tática funciona só em calças secas (estreitas). Mesmo assim, cuidado para não sobrar um bolo de tecido na barra. “A dobra ideal deve ter uns 7 centímetros“, sugere Katia. Para o visual formal, combine com a camisa e os sapatos. Descontraído, com pólo e tênis.

Por último, é possível DESFIAR, mas cuidado. Barra desfiada? Ok. “Mas só em ocasiões informais. Faça em jeans desgastado, com lavagem clara“, diz Katia. E não exagere. Jeans desfiadão perdeu a popularidade junto com os metaleiros dos anos 80.

fica a dica! fonte: Men’s Health

o estilo diz tudo

Rei da Moda.

OPA!

quem nunca pediu ao vendedor para dar um nó apertado na gravata com o objetivo de deixar assim para sempre ??

Seus problemas acabaram, porque seguindo os passos das ilustrações TODO MUNDO vai aprender.

E TODOS devem saber dar o nó corretamente! pq não existe pessoa Neste PlanETa que não precisará dos NÓS algum dia! Então, estão aqui os 3 principais nós, que servem para todas as ocasiões e tipos de gravatas:

O nó simples: O grande clássico dos nós de gravata. É o nó mais utilizado. É simples de fazer e de desfazer. É perfeito para a maioria das gravatas e para quase todos os colarinhos de camisa.
No fim, para obter o nó simples, é necessário que:
– o nó esteja em harmonia com o colarinho da camisa. Ele não deve estar nem muito escondido nem muito afastado do colarinho.
– a parte mais larga da gravata (mesmo antes da “ponta mais larga”) se situe ao nível da cintura.
no-simples

 

O nó duplo é parecido com o nó simples; a única diferença é que tem uma segunda volta, uma segunda laçada.
Este nó é ideal para os homens com menor estatura. É perfeito para os colarinhos italianos e gravatas ligeiramente finas. É simples e rápido de fazer.
no-simples-duplo

 

O nó francês é ideal para as gravatas estreitas, as sedas finas e os colarinhos abertos.

no-frances

Apesar de existirem mais de 80 tipos diferentes de nós (como é POSSIVEL isso?), tenho certeza de que com esses três aqui os HOMENS estarão a salvo, e as Mulheres também, pois não precisarão mais auxiliá-los, hehe. Basta seguir os passos corretamente, que o resultado vem com a prática.

fica a dica! fonte: TieKnot

o estilo diz tudo

Rei da Moda.